21.5 C
Brasil
quinta-feira, 20 janeiro 2022
HomeCriptomoedasCriptomoedas que valorizaram mais de 100% em 2021 para investir em 2022

Criptomoedas que valorizaram mais de 100% em 2021 para investir em 2022

O mercado de criptomoedas esteve em seu pico durante o ano de 2021, principalmente com a alta do Bitcoin  para o seu preço histórico de R$ 370 mil. Algumas alternativas tiveram valorizações acima de 100% em apenas 12 meses ou menos: mostrando assim, que são investidores promissores para o ano de 2022. Um relatório que foi publicado pelo Mercado Bitcoin aposta em alguns ativos, veja, abaixo, quais são: 

  • Polkadot, que teve a valorização de 225%:  Iniciou os leilões de suas redes paralelas, onde projetos competem por espaço nessa rede que interliga diferentes blockchains.
  • XRP, que teve a valorização de 380%: Obteve algumas pequenas vitórias no processo em julgamento movido pelo regulador norte-americano SEC
  • Cardano, que teve valorização de 441%:  Lançou uma versão preliminar de seu sistema de smart contracts, os contratos digitais auto-executáveis.
# NOME VALOR MERCADO PREÇO (R$) VOLUME (R$ – 24H) VARIAÇÃO (24H)
1 Bitcoin 4972,2 B R$ 262.899,00 133,1 B -0.72%
2 Ethereum 2572,7 B R$ 21.565,00 69,4 B -0.99%
3 Binance Coin 487,2 B R$ 2.893,36 8,5 B -0.68%
4 Tether 443,4 B R$ 5,66 287,8 B +0.20%
5 Solana 294,3 B R$ 952,00 6,2 B -2.07%
6 USD Coin 241,4 B R$ 5,66 15,3 B +0.58%
7 Cardano 240,4 B R$ 7,50 4,8 B -0.65%
8 XRP 222,4 B R$ 4,69 11,3 B -0.73%

Principais pontos que afetaram o mercado de criptomoedas e de câmbio durante o ano de 2021

O Mercado Bitcoin liberou um relatório que apresenta quais foram os acontecimentos que mais impactaram o mercado de câmbio e ativos durante o ano de 2021 e que devem continuar causando impactos diretos nos investimentos. 

  • Bancos Centrais mantiveram taxas de juros próximas de zero, tornando negativo o retorno da renda fixa. 
  • Quebra do fundo alavancado Archegos Capital, que apostava na queda das ações, deixa prejuízo de US$20 bilhões nos bancos Inflação nos EUA atingiu alta de 6,8% ao ano em novembro, maior nível desde 1982. Na Alemanha o dado foi de 5,2%, o mais alto desde 1992.
  • Custo do frete da China subiu 200% em 2021 com restrições impostas pelos governos, combustível, e menos caminhoneiros trabalhando. 
  • Incorporadora imobiliária Chinesa Evergrande entrou em recuperação judicial em dezembro, com dívidas de US$ 300 bilhões.
  • EUA atingiu US$ 5,3 trilhões em pacotes de estímulo desde 2020, enquanto o Federal Reserve comprou US$ 1,4 trilhão de ativos em 2021.
  • Preço do gás para aquecimento na Europa sobe 380% no segundo semestre após Rússia reduzir exportações.
Daiane Souza
Formação em jornalismo pela Uniasselvi e em história pela FURB. Amante, desde o ano de 2017, pela produção de conteúdos, notícias e redação em geral.

Últimas Notícias

- Publicidade -

Notícias Relacionadas

Deixe um comentário

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui