28.1 C
Brasil
segunda-feira, 14 junho 2021
HomeCriptomoedasDogecoin atua com desvalorização de 1,89%

Dogecoin atua com desvalorização de 1,89%

Após as manifestações do Elon Musk sobre o Bitcoin ter “quebrado o coração”, o Dogecoin (que já foi uma grande aposta do dono da Tesla), atua na manhã desta segunda-feira (07), com desvalorização que já soma mais de 1,89%.  O Ether  está no verde e começou a manhã custando na faixa de R$ 14,2 mil. 

O volume do Dogecoin está por volta de 11.768.289.024,00. 

Apesar da desvalorização, após o BTC atingir o pico máximo de R$ 360 mil, o Doge também teve suas máximas, saindo de R$ 0,07 para R$ 3,5. 

Não há como dizer que os investidores que tinham a criptomoeda há algum tempo não estavam lucrando com a mesma: alguns chegaram a ter o lucro acima de 1000% do que investiram. 

A semana promete abrir espaço para novas valorizações. Dessa forma, investir em criptomoedas pode ser uma alternativa bastante lucrativa. 

Na última sexta-feira (04), o Dogecoin começou o dia com uma queda de 11% após as publicações do dono da Tesla, Elon Musk. 

O dólar também começou a manhã com um leve aumento de 0,3%. Apesar disso, está nos índices de maiores desvalorizações desde o ano de 2009. A moeda norte-americana já perdeu mais de 4,5% de valor nos últimos meses e acredita-se que a principal razão tenha sido a mudança da taxa Selic. 

Mercado de criptomoedas 

O Bitcoin é um dos mais falados, está em primeiro lugar antes mesmo do Dogecoin. Entretanto, o mesmo perdeu mais de 35% de valor no mês de maio. E, desde o final de semana, vem perdendo mais de R$ 10 mil. Agora, para alguns analistas seria o momento ideal para que você realize uma compra. 

Quando várias pessoas compram durante uma queda, o preço tende a voltar a subir porque entra em ação a lei de oferta e procura.  Entretanto, quando muitas pessoas estão vendendo, a criptomoeda acaba desvalorizando e perdendo valor. É necessário investir com sabedoria. 

 

 
Daiane Souzahttps://manchetesdodia.com/
Nascida em Santa Catarina, atualmente estuda história pela FURB, atuando com a redação política. Trabalha há mais de três anos como redatora profissional experiente em SEO e Copywriter. Apaixonada por literatura, filosofia e escrita.

Baixe Nosso Aplicativo

Últimas Notícias

Notícias Relacionadas

Deixe um comentário

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui