20.8 C
Brasil
sábado, 17 abril 2021
Home Criptomoedas Dogecoin: o que é, história, valor e capitalização

Dogecoin: o que é, história, valor e capitalização

Nesse singular universo das criptomoedas, o Dogecoin é uma daquelas apostas que tornou-se viável quase que por acaso.

Hoje, ele possui um total de 126 bilhões de unidades disponíveis, uma capitalização de mercado em torno de US$335 milhões de dólares, além de estar entre as 50 moedas digitais na tabela da Brave New Coin, com cerca de US$ 8 milhões de dólares em negociação.

O Dogecoin é baseado na LKY (Luckyon) e LTC (Litecoin), pois também utiliza um Scrypt PoW como função. Além disso, ele costuma recompensar por intervalos entre faixas de um minuto, por blocos fixos de 10 mil Dogecoins, e ainda sem qualquer limitação no total de moedas fabricadas.

Outras características marcantes dessa criptomoeda é o fato de a sua inflação não ultrapassar os 4%, permitir uma mineração mesclada entre Dogecoin e Litecoin (por questões de segurança), além de apresentar variações moderadas nas suas transações diárias, como as que vêm ocorrendo desde dezembro de 2017 – entre 20 mil e 50 mil transações.

A História do Dogecoin

O Dogecoin for criado na cidade Portland, Oregon, Estados Unidos, por Billy Markus e Jackson Palmer, dois programadores de softwares que tiveram a brilhante ideia de criar uma criptomoeda baseada em um “meme”; isso mesmo, um meme! – o cachorro “Shiba Inu” – , que fala um inglês risível, mas mesmo assim ajudou a tornar a Dogecoin uma espécie de ícone.

Hoje, a moeda gaba-se de ter conseguido a façanha de despertar a atenção do bilionário Elon Musk, que em um simples tweet foi capaz de aumentar o seu valor em mais de 40%. E o resultado foi que ela acabou adquirindo um valor de mercado de cerca de US$17 bilhões de dólares, ocupa o 14º lugar no ranking total das criptomoedas negociadas no mercado, possui uma capitalização de US$ 7.530.416.536 de dólares, além de um volume de negócios em torno de US$1.048.482.789.

Leia mais: Linkedin: qual a importância para os dias atuais?

 

 

Baixe Nosso Aplicativo

Últimas Notícias

Notícias Relacionadas

Deixe um comentário

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui