20.8 C
Brasil
sábado, 17 abril 2021
Home Criptomoedas Litecoin: o que é, história, valor e capitalização

Litecoin: o que é, história, valor e capitalização

A Litecoin é uma criptomoeda lançada em 7 de outubro de 2011, com valor de US$ 1.156,94 dólares e capitalização de mercado em torno de US$7,5 bilhões. Ela utiliza uma tecnologia blockchain semelhante à do Bitcoin, mas, apesar disso, tratam-se de moedas diferentes, até mesmo no que diz respeito ao método de mineração e à utilização de algoritmos.

Essa variedade foi criada por um ex-engenheiro da Google, o marfinense Charlie Lee; um engenheiro de computação, também ligado à Coinbase, e que resolveu aproveitar-se da tecnologia de algoritmos já disponível em um outro modelo de criptomoedas da Tenebrix.

O resultado foi um projeto baseado em recompensa aos mineradores, por meio da emissão de moedas novas a partir da tecnologia Proof of Work ou “Prova de Trabalho”; o que possibilitou que ela conseguisse, entre outras coisas, dar conta de uma demanda atendida com pouca eficiência pela Bitcoin.

De acordo com Charlie, e os seus desenvolvedores, o principal objetivo da Litecoin é funcionar como uma alternativa ao Bitcoin, especialmente nos casos em que ele não puder dar conta das altas demandas desse segmento.

Vantagens da Litecoin

Outra característica singular da Litecoin é o fato de ela possuir um valor de mercado que é estipulado pelos seus próprios portadores. Dessa forma, compradores e vendedores podem enviar e receber a moeda sem quaisquer restrições, e ainda com toda a segurança oferecida por essa tecnologia blockchain.

Ademais, a Litecoin gasta bem menos memória durante a mineração que as suas principais concorrentes, e ainda apresenta blocos com espaços de tempos bem menores, geralmente não ultrapassando os 2 minutos e 30 segundos para cada criação, além de um total de moedas que chega a ser o quádruplo da quantidade de bitcoins disponíveis no mercado.

E, para finalizar, dentre as principais vantagens dessa moeda, podemos destacar a sua capacidade de coibir a censura por vírus e malwares, a garantia de transparência oferecida pela tecnologia blockchain, um menor prazo de confirmação durante a mineração, taxas bem mais atraentes para transações, entre outras vantagens que a colocam como postulante à condição de criptomoeda ideal para mineradores tradicionais.

 

Baixe Nosso Aplicativo

Últimas Notícias

Notícias Relacionadas

Deixe um comentário

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui