28.4 C
Brasil
quinta-feira, 16 setembro 2021
HomeDireitos e Deveres do TrabalhadorIrregularidade no CPF: como corrigir o problema?

Irregularidade no CPF: como corrigir o problema?

O que poucas pessoas sabem, é que qualquer irregularidade mediante a Receita Federal pode ocasionar a invalidade do CPF. Desde questões simples como informações divergentes no cadastro, até as mais complexas como, por exemplo, irregularidades com a declaração do Imposto de Renda. 

Conheça os diferentes status da situação cadastral do CPF, que pode ser consultado gratuitamente através do site da Fazenda. Confira!

  • CPF Regular – Esse status é o mais comum e o ideal na hora da consulta do documento. Isso porque, ele quer dizer que o documento está em dia com a Receita Federal;
  • Pendente de regularização – Esse status pode assustar, mas também pode ser simples de regularizar. Ele significa que existe alguma informação pendente para o governo Federal ou que falta declarar o Imposto de Renda do último ano;
  • CPF suspenso – Também conta com fácil regularização. Isso porque, essa situação cadastral significa que existe alguma informação no documento que está diferente na Receita Federal; 
  • Cancelado – CPF cancelado ocorre decorrente o falecimento do contribuinte ou mediante a solicitação de cancelamento por requerimento judicial;
  • Documento Nulo – Uma das situações mais complicadas de regularizar. Isso porque, o status significa que o Governo Federal identificou a falsificação ou fraude relacionadas a esse documento. 

Geralmente, uma simples atualização cadastral é suficiente para regularizar o documento. Essa atualização pode ser feita através das agências da Caixa Econômica ou do Banco do Brasil, mas não são gratuitas e contam com um valor de R$7 a R$15. 

Também é possível realizar a regularização através do site da Receita Federal, onde é possível abrir um pedido online para atualização do documento. Porém, esse recurso só está disponível para documentos que foram suspensos.

- Continua Depois da Publicidade -

Caso o assunto seja de maior seriedade e não possa ser tratado virtualmente ou nas agências conveniadas com o Governo Federal, o contribuinte deverá agendar o atendimento presencial na Receita Federal através do site serviços da Receita Federal.

Também é possível baixar o aplicativo disponível para aparelhos móveis Android ou IOS que se chama “Agendamento RFB”. Em ambos os meios é possível identificar datas e horários disponíveis para o atendimento, bem como o endereço mais próximo. 

 
Susan Nogarthttps://manchetesdodia.com/
Susan Nogart, 30 anos. Formada em Ciências Biológicas e Produção de conteúdo para Web, ama animais, ciências e comportamento e é apaixonada por escrever. Trabalha com criação há mais de 10 anos.

Últimas Notícias

- Publicidade -

Notícias Relacionadas

Deixe um comentário

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui