4 fatores que fizeram o Náutico ser campeão da Série C 2019

51

Foi difícil, mas enfim o torcedor do Náutico pode dizer que é campeão nacional. O título da Série C 2019 veio após batalhas duras contra gigantes como Paysandu, Juventude e Sampaio Corrêa, por isso a conquista tem que ser bastante comemorada.

Até porque, há apenas dois anos o Náutico vivia um período de grave crise, com greve de jogadores e consequente queda para a Série C. Foi a partir dali, em meados de 2017, com a eleição da atual presidência, que as coisas começaram a mudar.

Primeiro, com o retorno do Timbu ao estádio dos Aflitos, uma demanda antiga da torcida que não gostou muito da troca para a moderna, porém distante Arena de Pernambuco. A mudança deu certo, já que o Náutico perdeu somente três partidas em 2019 em casa, mostrando que a mística do antigo “alçapão” está viva como nunca.

Depois, veio uma preocupação maior com as divisões de base. Um novo sistema de coleta de informação de jogadores de todas as categorias deu maior integração ao elenco e permitiu que caras novas surgissem no time principal, como é o caso do jovem atacante Thiago, um dos destaques da Série C.

Continuar Lendo

Por fim, vale ressaltar o bom trabalho do técnico Gilmar Dal Pozzo. Após assumir o time durante a competição nacional, o treinador conseguiu fazer ajustes pontuais que fizeram o Timbu ser bastante decisivo durante a fase final da Série C. E, apesar de seu jeito tranquilo, ele não se segurou e comemorou junto com a galera esse título tão importante para sua carreira e para o Náutico.

Fonte: O Bom da Notícia (liberação de imprensa)