25.8 C
Brasil
quinta-feira, 15 abril 2021
Home Esportes Benitez não é mais jogador do Vasco da Gama e São Paulo...

Benitez não é mais jogador do Vasco da Gama e São Paulo dá detalhes do acordo

Com apenas 3 gols e 2 assistências nas 24 partidas disputadas pelo Vasco da Gama no Campeonato Brasileiro, o meia-atacante Martín Benítez segue provocando reações contrárias na torcida, pois, apesar dos números tão modestos, ele tornou-se soberano no meio campo do time, muito em função da sua técnica e habilidade apuradas.

Mas agora o jogador é oficialmente parte do elenco do São Paulo, após o Vasco anunciar o acordo em seu site. Ele já realizou exames médicos e encontra-se pronto para cumprir um empréstimo que deverá durar até o final da temporada.

Os números do acordo giram em torno de R$2 milhões pelo empréstimo até junho; e o Vasco ainda terá direito a uma pequena porcentagem no caso de venda do atleta.

Para a torcida do São Paulo, a negociação também foi considerada bastante controversa, já que ao total o Vasco poderá receber uma soma de quase o dobro desses R$2 milhões, no caso de esse acordo, que envolvia a liberação de mais um jogador do São Paulo, não se concretizar.

Os detalhes do acordo entre Vasco da Gama e São Paulo

Segundo a assessoria de impressa do Vasco, o acordo com o São Paulo inicialmente envolvia o depósito de R$2 milhões mais um jogador, o Paulinho Boia, que se recusou a ir jogar no cruzmaltino. E o resultado disso é que agora o tricolor deverá manter uma espécie de “crédito” em nome do Vasco da Gama, caso o clube tenha interesse em outro atleta são paulino no futuro.

No entanto, caso isso não ocorra, o valor deverá ser repassado em dinheiro ao Vasco, em uma transação que ainda tem como uma das partes o Independiente da Argentina, o detentor dos direitos do atleta, e para onde ele deverá retornar caso não permaneça no São Paulo.

Martín Benítez permaneceu no Vasco desde o primeiro semestre do ano passado, participou de 33 partidas, fez 3 gols (com direito a um de bicicleta, na derrota para o Atlético Mineiro em Belo Horizonte), e despediu-se do clube carioca deixando alguns torcedores tristes, e outros bastante satisfeitos, muito por conta das limitações físicas que não permitiam que o jogador atuasse em mais do que 25 ou 30 partidas no ano.

 

Leia mais: Presidente da FPF quer ir à justiça para manter os jogos de futebol

 

Baixe Nosso Aplicativo

Últimas Notícias

Notícias Relacionadas

Deixe um comentário

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui