23.4 C
Brasil
quarta-feira, 8 dezembro 2021
HomeFinanças & InvestimentosBrasil está perdendo apenas para inflação da Argentina com 53% ao ano...

Brasil está perdendo apenas para inflação da Argentina com 53% ao ano e Turquia a 19%

Nesta quarta-feira (10), o IBGE liberou os dados da inflação do Brasil, indicando o acumulado de 10,67% nos últimos doze meses. O país está perdendo para a Argentina, que conta com o acumulado de 53% no mesmo tempo, e a Turquia, que está com o IPCA em 19%. Os motivos para o aumento de preços ao consumidor são os mais variados, mas economistas possuem algumas suposições: 

  • Pagamento do auxílio emergencial entre os anos de 2020 e 2021 que aumentaram o dinheiro em circulação na economia. 
  • Aumento do dólar, que incentivou que grandes produtores rurais vendessem para o exterior, lucrando valores elevados e aumentando o valor do arroz e outros itens no Brasil em mais de 100%. 
  • Escassez de energia, que ocasionou na criação da tarifa de escassez pelo Ministério de Minas e Energia nos meses anteriores. 
  • Variações da Petrobras, que determina o seu preço a partir do dólar, que está a R$ 5,45. É estimado que, até o ano de 2022, o valor do litro da gasolina Premium chegue a mais de R$ 10. Bombas já receberam permissão para alterarem. 

O setor de construção civil foi o que mais apresentou aumentos, chegando a 1,01%. O que pode prejudicar diretamente os fundos de investimentos que já estavam estagnados a uma média de 2% ao ano. Já o comércio apresentou queda de 3% no mês de setembro para outubro, tendo uma expectativa de melhora para o setor. 

Construção cada vez mais cara, produção de minérios caindo no Brasil

A construção do setor imobiliário vem ficando cada vez mais cara no Brasil e o investimento se encontra estagnado, fazendo com que investidores mais conservadores prefiram a renda fixa. De acordo com o portal da Globo, o aumento de preços no ano de 2020 foi de 5% no setor de ferro. Uma barra de ferro média custa R$ 50, o que antes era na faixa de R$ 20 em 2019. 

Daiane Souzahttp://visaoconfiavel.com/
Formação em jornalismo pela Uniasselvi e em história pela FURB. Amante, desde o ano de 2017, pela produção de conteúdos, notícias e redação em geral. Atualmente, trabalha como redatora da agência jornalística Visão Confiável (http://visaoconfiavel.com/).

Últimas Notícias

- Publicidade -

Notícias Relacionadas

Deixe um comentário

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui