21.1 C
Brasil
segunda-feira, 19 abril 2021
Home Finanças & Investimentos G7 apoia ajudas do FMI para países pobres devido a pandemia

G7 apoia ajudas do FMI para países pobres devido a pandemia

Uma nova videoconferência realizada nesta sexta-feira (19) no Reino Unido, juntou ministros do grupo G7 para elaborar uma forma de ajudar os países pobres que estão ainda mais enfraquecidos por causa da pandemia. O FMI (Fundo Monetário Internacional) deve ser a ajuda necessária que os países mais vulneráveis precisam nesse momento.

Os Ministros das Finanças concordaram em ajudar ou financias esses países pobres que mais precisam de ajuda, e usar o Tesouro Britânico pode ser a saída. É preciso emitir um documento de direitos especiais, para proporcionar a liquidez e beneficiar os países afetados pela pandemia, segundo especialistas essa será a primeira vez que o documento é elaborado depois da crise de 2009.

Países pobres afetados

Segundo a discussão feita, a operação deve ser elaborada ainda, para permitir que os países que estão sofrendo mais com a pandemia, consigam custear os recursos necessários para comprar vacinas, importar alimentos, medicações, e também amortizar a situação de população de baixa renda.

O FMI foi criado em 1969 com o intuito de complementar as reservas de câmbio entre os países que faziam parte, para poderem trocar moeda. O valor do grupo é baseado principalmente em 5 moedas internacionais, que atribuem sua cota aos países que são membros.

Leia mais: Novo Auxílio emergencial deve injetar R$ 34,2 bilhões na economia

G7

De acordo com representantes do G7, esse acordo teria como base principal garantir que nenhum desses países pobres fique para trás durante a recuperação financeira e econômica pós pandemia. A reunião ainda debateu de forma virtual, sobre outros tipos de ajuda poderiam ser realizadas.

Fazem parte do grupo G7 os ministros do Reino Unido, Alemanha, França, Itália, Estados Unidos, Canadá e Japão. O trabalho do FMI é para mostrar com transparência como funciona e como é usado o DES (Emissão de Direitos Especiais – Special Drawing Rights – SDR), para garantir que os países que recebam o benefício sejam realmente beneficiários e aptos a serem os destinatários.

 
Susan Nogart
Susan Nogarthttps://manchetesdodia.com/
Susan Nogart, 30 anos. Formada em Ciências Biológicas e Produção de conteúdo para Web, ama animais, ciências e comportamento e é apaixonada por escrever. Trabalha com criação há mais de 10 anos.

Baixe Nosso Aplicativo

Últimas Notícias

Notícias Relacionadas

Deixe um comentário

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui