24.2 C
Brasil
domingo, 26 setembro 2021
HomeFinanças & InvestimentosIbovespa pode apresentar queda com greve de caminhoneiros no feriado

Ibovespa pode apresentar queda com greve de caminhoneiros no feriado

O Ibovespa, Bolsa de Valores no Brasil, pode apresentar uma queda expressiva nesta semana após a greve dos caminhoneiros no feriado de independência na próxima terça-feira (07). Em suma, os grupos do setor pretendem ir para as ruas para solicitar o voto impresso no ano de 2022. 

O voto impresso é defendido pelo governo Bolsonaro desde antes de se eleger como presidente da República. O argumento é que as urnas brasileiras são fraudulentas e que por isso o Partido dos Trabalhadores, PT, conseguiu ganhar nos anos anteriores. 

Apesar das acusações, Jair não consegue provar as fraudes e os deputados já arquivaram o projeto que previa o voto impresso com a maioria dos votos contra

As principais entidades representativas dos grupos de caminhoneiros argumentam, em nota, que não reconhecem o ato e que há poucas chances de que ele tenha um impacto expressivo na economia: céticos argumentam que ele sequer vá acontecer. Dúvidas pairam sobre o assunto  que poderá ser aprofundado somente amanhã (07). 

Ibovespa e os resultados negativos em setembro

- Continua Depois da Publicidade -

O Ibovespa atua com uma queda de 1,55% no mês de setembro deste ano enquanto a variação do dia, última sexta-feira (03) com o fechamento do pregão foi de 0,2%. Com a greve dos caminhoneiros, é estimado que a bolsa comece com leve queda na próxima quarta-feira (08). 

Mín — Máx (Dia) 115582 – 117395
Variação (Dia) +0.21%
Variação (Mês) -1.55%
Variação (2021) -1.75%
Variação (52 semanas) +16.09%

O dólar também vem tendo suas influências da possibilidade de manifestação para voltar a pedir o voto impresso. Em suma, começou o dia com alta superior a 0,4% e custando na faixa de R$ 5,20.

Se a inflação brasileira continuar alta no ano de 2021, é estimado que a moeda norte-americana volte a flertar com a faixa de R$ 6, mesmo que a COPOM realize aumentos da taxa Selic para mais de 5,2%, como já ocorreu nos meses anteriores. A dívida pública ocupando 83% do PIB também vem impactando o câmbio. 

 
Visão Confiávelhttp://visaoconfiavel.com/
Visão Confiável é uma agência com jornalistas independentes que estão dispostos a fornecer informações em tempo real e com qualidade. Contamos com uma agência de redatores. Entre em contato!

Últimas Notícias

- Publicidade -

Notícias Relacionadas

Deixe um comentário

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui