34.7 C
Brasil
terça-feira, 22 junho 2021
HomeFinanças & InvestimentosPIX terá nova concorrência com WhatsApp e pode refletir no MEI

PIX terá nova concorrência com WhatsApp e pode refletir no MEI

O PIX já se tomou, em menos de 06 meses, proporções enormes: já ocupa cerca de 51% de todas as transações realizadas no Brasil. Virou tendência até mesmo para aqueles que são MEI: o pagamento instantâneo, em tempo real e sem cobrança de taxas fez com que muitas empresas que buscam por praticidade começassem a utilizar.

Uma das maiores vantagens é que permite a transferência até mesmo durante o fim de semana e para outros bancos, sem cobrança de taxas. Muitos que são MEI reclamam que pagam muito todos os meses para que consigam transferir pagamentos de serviços.

O Whatsapp vem surgindo com novas atualizações e, na última delas, passou a permitir que pagamentos fossem realizados através do app.

No entanto, o recurso só é permitido, por enquanto, para aqueles que são pessoas físicas. Para participar, é necessário cadastrar algum cartão de crédito.

MEI e os pagamentos

- Continua Depois da Publicidade -

As novas atualizações devem permitir que se realize o pagamento entre pessoas jurídicas e MEI. No entanto, haverá a cobrança de taxas que podem variar entre 1% e 2%.

Para o MEI, que já utiliza o PIX de forma completamente gratuita e instantânea, pode não gostar muito da nova atualização do WPP. Além disso, cada usuário pode fazer até cinco transferências mensais, número bastante limitado para as empresas.

Além da cobrança de taxas sobre o valor, há a limitação na quantidade de transferências, o que pode ser bastante negativo para quem usa um recurso ilimitado e gratuito.

Cerca de um terço de todos os brasileiros já possuem uma conta no PIX e uma chave cadastrada. Há boatos de que o Banco Central pretende passar a cobrar pelas transferências do PIX, mas nada foi confirmado de forma oficial.

- Continua Depois da Publicidade -

Se o WPP realmente limitar para pessoa jurídica assim como fez para as pessoas físicas, há grande chance do recurso não ser bem aceito.

Leia mais: Voucher creche causa polêmica entre professores

- Continua Depois da Publicidade -
 
Daiane Souzahttps://manchetesdodia.com/
Nascida em Santa Catarina, atualmente estuda história pela FURB, atuando com a redação política. Trabalha há mais de três anos como redatora profissional experiente em SEO e Copywriter. Apaixonada por literatura, filosofia e escrita.

Últimas Notícias

- Publicidade -

Notícias Relacionadas

Deixe um comentário

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui