25.8 C
Brasil
quinta-feira, 15 abril 2021
Home Negócios & Empresas Dicas para trabalhar como tradutor freelancer: saiba mais

Dicas para trabalhar como tradutor freelancer: saiba mais

O primeiro passo para criar um networking é participar de grupos de Whatsapp ou outras redes sociais. Neles, é possível criar postagens interessantes ou pedir para que os membros deem dicas sobre como conseguir novos projetos. Também é bom participar ativamente de webinars sobre tradutor freelancer. Afinal, é provável que o palestrante lembre de alunos que fazem perguntas e se mostram interessados.

No caso do Facebook, digite na barra de pesquisa “grupos de tradutor freelancer” e aparecerão inúmeras opções. Prefira sempre grupos com mais membros, pois costumam ser mais movimentados e com maior possibilidade de encontrar oportunidades. 

Leia mais: Como ser tradutor: confira sobre o mercado de trabalho

Como ser tradutor freelancer e lidar com os pagamentos?

Existem diferentes formas de realizar e receber pagamentos: antes ou depois dos projetos, metade antes e metade depois. Geralmente, quando se está começando e não se conhece o cliente, a maioria dos tradutores pede o dinheiro adiantado ou uma parcela dele como garantia. No entanto, isso costuma funcionar apenas com clientes diretos, e não com agências.

Quando já se trabalha com o cliente há algum tempo e se sabe que ele é confiável, pode-se deixar o pagamento para depois da entrega ou até mesmo pensar em opções parceladas, caso o valor seja alto. Há tradutores que usam máquinas de cartão portáteis (que cobram taxas) para receberem o dinheiro na hora enquanto o cliente paga parcelas mensais. Outra opção é receber por transferência bancária ou PIX.

Como ser tradutor freelancer: quais são as vantagens?

A principal vantagem de trabalhar como tradutor independente ou autônomo é a flexibilidade de horários. Se você trabalha dessa forma, pode organizar sua rotina de trabalho de acordo com o volume de tradução e o prazo de entrega, decidir exatamente qual é o melhor horário para trabalhar e fazer outras coisas da casa ou ter tempo livre nos finais de semana.

Imagine que ocorreu um imprevisto e você deve sair dentro de 15 minutos. Caso trabalhe em uma agência, poderá ter sua produção prejudicada ou perder um dia de trabalho por não ter atestado. Entretanto, isso não acontece quando se é autônomo, já que é possível sair pelo tempo necessário e continuar de onde parou quando voltar, compensando depois. Vale ressaltar que, apesar dos benefícios, é importante ter autocontrole e disciplina para manter a produtividade.

Outro ponto positivo é a possibilidade de poder trabalhar onde quiser: na cama, no sofá ou até mesmo em determinados locais públicos. No caso da tradução, nem sempre é necessário possuir internet, o que pode ser ainda mais interessante para quem gosta do ar livre e do mundo sem conexão.

Quando se fala outra língua, é possível conseguir projetos de clientes estrangeiros e receber o pagamento em dólar ou euro. Isso pode ser uma vantagem e tanto, considerando o valor dessas moedas em relação ao real. Para um cliente dos EUA, por exemplo, 200 dólares podem ser um valor baixo para um trabalho (já que ele não leva em consideração a taxa de câmbio), enquanto para o autônomo pode compensar e muito!

Outro ponto a ressaltar é que sempre se aprende coisas novas! Principalmente no caso da tradução acadêmica, em que os assuntos são técnicos e costumam ser mais aprofundados. Como é ser tradutor? É trabalhar e aprender ao mesmo tempo. 

Quais são as desvantagens para autônomos?

Ainda que você já tenha uma ideia do número de palavras que consegue traduzir em um dia de trabalho, é comum haver imprevistos. Por isso, o tradutor deve ter consciência do tempo para não atrasar as entregas e causar a insatisfação dos clientes. Ainda mais na área acadêmica, que pode envolver universidades com prazos pré-estabelecidos. 

Como posso encontrar o tradutor freelancer certo para minhas traduções?

O Tradutor Acadêmico faz projetos de tradução acadêmica, seja do português para inglês ou do inglês para português. Para solicitar um orçamento, basta acessar a página de início da plataforma e enviar os textos que deseja traduzir. Após enviar seus arquivos, é só aguardar que retornaremos por e-mail!

 
Daiane Souza
Daiane Souzahttps://manchetesdodia.com/
Nascida em Santa Catarina, atualmente estuda história pela FURB, atuando com a redação política. Trabalha há mais de três anos como redatora profissional experiente em SEO e Copywriter. Apaixonada por literatura, filosofia e escrita.

Baixe Nosso Aplicativo

Últimas Notícias

Notícias Relacionadas

Deixe um comentário

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui