10/08/2019 – SUCESSOR DO LAMBORGHINI AVENTADOR CHEGARÁ EM 2024

91
10/08/2019 – SUCESSOR DO LAMBORGHINI AVENTADOR CHEGARÁ EM 2024
4.7 (93.33%) 3 voto[s]

A Lamborghini passa por bons momentos. O fabricante italiano foi capaz de duplicar suas vendas de carros durante o primeiro semestre de 2019 graças ao novo Lamborghini Urus. O primeiro ‘Super SUV’ da empresa foi fundamental nestes registros. Agora, a Lamborghini encara o que resta do exercício para poder fechar o ano com vendas acima das 8.000 unidades.

No entanto, essa boa situação pela qual está passando a marca não diminui a preocupação com as substituições de seus outros dois modelos, o Lamborghini Aventador e o Lamborghini Huracán. Nos últimos meses foram inúmeros os relatos que surgiram sobre os sucessores desses dois veículos. Em especial o Aventador, modelo que deverá ser adiado.

Herbert Diess, CEO do Grupo Volkswagen, coloca como referência a Ferrari em relação ao desempenho econômico. Para que a Lamborghini possa encurtar a diferença que lhe separa de Maranello, será fundamental acertar com as substituições do Aventador e do Huracán. Lamentavelmente, o atraso no desenvolvimento do novo Aventador (ou o modelo que ocupe seu lugar) foi adiado devido às discussões que estão acontecendo sobre sua parte mecânica.

Em um primeiro momento se apostou em dar continuidade ao motor V12, no entanto, no final não será assim e o Lamborghini Aventador será ‘outra vítima’ da eletrificação. Com isso, poderá ser mantido um alto nível alto de desempenho e rendimento enquanto que as emissões e consumos se reduzem consideravelmente. O conjunto mecânico girará em torno de um motor V8. Isso vale também para o novo Lamborghini Huracán.

Continuar Lendo

Cabe destacar que não se trata da primeira vez que a substituição do Aventador é adiada. Há alguns meses pudemos saber que seu lançamento passaria de 2020 a 2022. Agora, foi fixado o ano de 2024 como o do lançamento do novo Aventador. O novo Huracán verá a luz um ano depois, assim, não será uma realidade até 2025.

Aproveitando o momento também é importante lembras aquelas informações que apontavam a possível eletrificação de um motor V12 junto a três motores elétricos para superar a barreira dos 1.000 cv. No entanto, esta possibilidade parece realmente complicada.

Fonte: PlanetCarsz