24.2 C
Brasil
domingo, 26 setembro 2021
HomeNotícias GeraisNavio encalha no Canal de Suez novamente

Navio encalha no Canal de Suez novamente

Novamente, um navio encalhou no canal do Suez nesta quinta-feira (09). No entanto, a permanência dele não prejudicou o tráfego de outros navios porque durou poucos minutos. Ele foi reflutuado por uma nova passagem ao lado. No atual momento, o local está liberado para outras empresas e não passa por novos bloqueios. 

Em suma, o atual navio contava com mais de 43 mil toneladas  e estava indo em direção ao mar mediterrâneo. O local é importante para a economia da região porque é uma das principais rótulas de comércio estratégico entre os países. 

Além disso, é devido ao canal do Suez que os navios não precisam dar a volta em toda a África para levar itens ao Egito e a outras regiões próximas. Ou seja, há mais economia e ainda praticidade de tempo. 

Vale ressaltar que o canal do Suez conta com a capacidade para a navegação de mais de 50 navios por dia que chegam a até 240 mil toneladas.

Mais notícias de hoje – além do Canal do Suez

- Continua Depois da Publicidade -

A paralisação dos caminhoneiros continua ocorrendo nesta quinta-feira (09) e já ocasionou em um novo aumento do litro da gasolina em algumas regiões devido à escassez. Em suma, cidades como Florianópolis, que é capital de Santa Catarina, já registraram aumentos e filas expressivas. Em Brusque, o posto da Havan estava com mais de 30 carros durante a madrugada para abastecer, visto que o posto é 24 horas. 

Além disso, em Fernando de Noronha, os preços foram os mais altos já registrados: os postos estão vendendo o litro a cerca de R$ 8,79. As entidades do local em relação ao direito do consumidor já foram acionadas para resolver a situação. 

Em suma, o presidente da República, Jair Bolsonaro, já solicitou para que os caminhoneiros parem a manifestação e continuem trabalhando. No entanto, não foi o suficiente. 

 
Visão Confiávelhttp://visaoconfiavel.com/
Visão Confiável é uma agência com jornalistas independentes que estão dispostos a fornecer informações em tempo real e com qualidade. Contamos com uma agência de redatores. Entre em contato!

Últimas Notícias

- Publicidade -

Notícias Relacionadas

Deixe um comentário

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui