25.1 C
Brasil
terça-feira, 27 julho 2021
HomePolítica & PoderBolsonaro a Petrobrás: ameaças fazem ações cair em 5,33% e gasolina pode...

Bolsonaro a Petrobrás: ameaças fazem ações cair em 5,33% e gasolina pode subir

Jair Bolsonaro, presidente da República, manifestou-se contra a Petrobrás na noite desta quinta-feira (18). Ela é uma das maiores estatais brasileiras. Consequentemente, a Bolsa de Valores de São Paulo (B3) iniciou o pregão nesta sexta-feira (19) com queda de 0,75% e 118.307 pontos. Antes mesmo das 11h30 da manhã, as ações estavam em mais de 5,33% de queda e o Ibovespa continua na contramão com o desenvolvimento mundial. 

Isso ocorre devido à ameaça de Bolsonaro ao afirmar o corte de impostos para reduzir a pressão inflacionária nestes próximos dois meses. A live em quem fez a afirmação foi postada em seu canal do Youtube  e pode ser acessada por qualquer cidadão, sem restrições:

No vídeo ao lado do ministro da Infraestrutura, Tarcísio Freitas, dá a entender que o atual presidente da Petrobrás, Roberto Castello Branco, pode ser demitido dentro de poucos dias. Jair Bolsonaro já se voltou contra ele ao realizarem reuniões sobre os valores dos combustíveis por estarem muito altos e terem um aumento de 11%. Cabe somente ao Conselho Administrativo derrubar o “CEO” da Estatal e o campo federal não deve realizar interferências. 

- Continua Depois da Publicidade -

Afirmou na live que a partir de março, não será aplicado Cofins ou PIS nos valores dos combustíveis. Essa ideia já surgiu há algumas semanas como tentativa de controlar a greve de caminhoneiros e impedir que ela explodisse economicamente. 

Fim de ICMS, COFINS e PIS: desejo de Bolsonaro e o medo dos governadores

O ICMS é um imposto criado por todos os estados para que conseguissem recolher as reformas tributárias e significa Prestações de Serviços de Transporte Interestadual e Intermunicipal e de Comunicação. 

Quando Bolsonaro afirmou que iria criar regras para anulá-lo ou fixá-lo em valores fixos, os governadores se manifestaram contra. Um exemplo foi João Dória, São Paulo, que afirmou que o presidente estava tentando anular a própria responsabilidade e empurrá-la contra os outros. 

Acompanhe-nos no Facebook e Instagram para ficar por dentro das novidades!

 
Daiane Souzahttps://manchetesdodia.com/
Nascida em Santa Catarina, atualmente estuda história pela FURB, atuando com a redação política. Trabalha há mais de três anos como redatora profissional experiente em SEO e Copywriter. Apaixonada por literatura, filosofia e escrita.

Últimas Notícias

- Publicidade -

Notícias Relacionadas

Deixe um comentário

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui