24.2 C
Brasil
domingo, 26 setembro 2021
HomePolítica & PoderBolsonaro pode responder por precarização e corrupção passiva e ativa na CPI

Bolsonaro pode responder por precarização e corrupção passiva e ativa na CPI

O vice-presidente da CPI, Randolfe, disse em entrevista que o atual presidente da República, Jair Bolsonaro, pode responder por precarização do serviço público junto à corrupção passiva e ativa durante o mandato. 

A CPI não está realizando transmissões ao vivo com os depoimentos. No entanto, manifesta-se semanalmente sobre o andamento das descobertas durante as investigações. 

Já foi descoberto pelos senadores que o governo federal estaria pagando cerca de US$ 1 para cada vacina da AstraZeneca que fosse negociada como forma de propina. Vídeos também foram liberados sobre um possível gabinete paralelo no qual Jair Bolsonaro era indicado a não fazer a compra dos insumos. 

O ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, argumentou no depoimento que compareceu às reuniões do gabinete paralelo, mas que isso não diz que ele concorde com o que abordavam. Disse, ainda, que trazer a Copa América para o Brasil não aumentaria os riscos de transmissão da Covid-19 porque não existem estudos científicos que comprovem isso: mais de 190 colaboradores foram infectados.

- Continua Depois da Publicidade -

Além do crime de responsabilidade por omissão durante a crise sanitária, o presidente Bolsonaro pode responder por tentativas de precarizar o serviço público ao deixar de enviar verbas para as compras de insumos e criação de hospitais de campanha. Além disso, devido aos desvios de verbas, pode ser incriminado por corrupção passiva e ativa. 

E se tiverem provas contra Bolsonaro?

Caso a CPI tenha provas contra o presidente Bolsonaro, o mesmo pode ser incriminado e perderá a possibilidade de se candidatar para as eleições no ano de 2022, quando deve concorrer contra o petista e ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. 

Além da CPI, Jair já conta com mais de 120 pedidos de impeachment que são analisados pelo presidente da Câmara, Arthur Lira. Entretanto, Lira argumenta que a maioria deles são sem fundamentos para a solicitação. 

 
Visão Confiávelhttp://visaoconfiavel.com/
Visão Confiável é uma agência com jornalistas independentes que estão dispostos a fornecer informações em tempo real e com qualidade. Contamos com uma agência de redatores. Entre em contato!

Últimas Notícias

- Publicidade -

Notícias Relacionadas

Deixe um comentário

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui