24.1 C
Brasil
segunda-feira, 6 dezembro 2021
HomePolítica & PoderBolsonaro viaja a países árabes à procura de investimentos para o Brasil

Bolsonaro viaja a países árabes à procura de investimentos para o Brasil

Jair Bolsonaro embarcou para países árabes com destino à: Emirados Árabes, Bahrein e Catar. Em viagem, Jair também faz visita em Dubai, onde vai participar da Expo 2020.

Nesta manhã de sexta-feira, o atual presidente Jair Messias Bolsonaro e a comitiva presidencial, embarcaram para países árabes.

Nesse sentido, a visita deve ter como principal objetivo, a busca por investimentos.  

A visita do presidente deve ser uma grande oportunidade para troca de ideias sobre o cenário atual da pandemia.

- Continua Depois da Publicidade -

Entretanto, um dos assuntos de maior interesse de Jair Bolsonaro é a questão do petróleo e a transição energética.

Logo, uma ambição muito grande por parte do Governo Bolsonaro em atrair investimentos nesse momento atual.

Nesse sentido, existem sinais graves de uma crise energética no país está se aproximando.

Outro assunto que contempla a pauta, é a busca por investimentos em infraestrutura. Sendo assim, o encontro promete assinatura de acordos.

Agenda

- Continua Depois da Publicidade -

No sábado, dia 13, Jair Bolsonaro estará em Dubai onde fará encontros, inclusive com o Príncipe herdeiro de Abu Dhabi.

Possivelmente o presidente ficará até sexta-feira, dia 16, no país árabe.

Nesse sentido, especialistas afirmam que há possibilidade de acordos entre os Emirados Árabes e o Brasil.

No domingo, dia 14, o presidente deve visitar uma feira de aviação militar e civil.

- Continua Depois da Publicidade -

Já na segunda-feira, dia 15, Jair Bolsonaro deve participar de um fórum de investimentos organizado pela Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos

Ainda na segunda-feira, dia da Proclamação da República, o presidente vai à Expo 2020. Nesse sentido, essa exposição tradicional é realizada desde 1851.

A mesma exposição está acontecendo desde outubro desse ano e a programação vai durar até março do ano que vem. Nesse sentido, este tem sido o maior evento do mundo desde o início da pandemia, no ano passado.

Apesar da visível dificuldade do presidente em se relacionar com líderes de outros países, especialistas acreditam que o encontro com países árabes pode trazer benefícios ao país.

Últimas Notícias

- Publicidade -

Notícias Relacionadas

Deixe um comentário

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui