18.5 C
Brasil
quinta-feira, 5 agosto 2021
HomePolítica & PoderCPI da Covid hoje: Carlos Wizard Martins pode ser procurado pela polícia

CPI da Covid hoje: Carlos Wizard Martins pode ser procurado pela polícia

CPI da Covid hoje: o Portal Senado, site exclusivo para notícias federais, informou que os líderes da CPI ameaçaram recorrer à justiça para obrigar o empresário Carlos Wizard Martins  a depor nesta quinta-feira (17). 

Na quarta-feira (16), prestou depoimento o ex-governador do Rio de Janeiro, Wilson. Ele disse que a culpa da pandemia ter se alastrado não é dos governadores e que foi Bolsonaro que não incentivou o isolamento. 

O senador Otto argumenta que a presença de Carlos Wizard Martins  é crucial na CPI porque ele foi uma das pessoas que mais incentivaram o uso de tratamento precoce e de cloroquina. 

Amanhã (18), não deve comparecer ninguém para o depoimento. E, ao todo, a semana fecha com três pessoas comparecendo. 

- Continua Depois da Publicidade -

O governador do Amazonas argumentou que não poderia comparecer porque o estado estava enfrentando um grande número de óbitos pela Covid-19. A desculpa foi comparada com os argumentos de Pazuello para não ter que comparecer. O governador deveria ter comparecido também nesta semana. 

CPI da Covid hoje

CPI da Covid hoje: a CPI já contou com o depoimento de diversas figuras, inclusive o ministro da Saúde, Marcelo Queiroga. Ele argumentou que não via problemas da Copa América ser realizada no Brasil porque não existem provas científicas de que o número de casos poderia aumentar. 

A CPI já tem inúmeras provas de que o presidente da República está cometendo crime de responsabilidade com as aglomerações. O ex-governador do Rio de Janeiro argumentou que pediu inúmeras vezes para que ocorresse o isolamento enquanto o presidente estava praticando carreatas com motociclistas. 

No dia 14 de agosto, Bolsonaro deve participar de uma nova carreata com motociclistas de Santa Catarina. O objetivo é comparecer na capital, Florianópolis. 

- Continua Depois da Publicidade -

No dia 19, próximo sábado, protestos contra o governo devem acontecer para pedir a volta do auxílio emergencial de R$ 600. Entretanto, há poucas possibilidades que o programa social aumente de valor devido a falta de verbas públicas. 

Leia também: CPI: senador quer ouvir Carlos Bolsonaro e Filipe Martins

 
Daiane Souzahttps://manchetesdodia.com/
Nascida em Santa Catarina, atualmente estuda história pela FURB, atuando com a redação política. Trabalha há mais de três anos como redatora profissional experiente em SEO e Copywriter. Apaixonada por literatura, filosofia e escrita.

Últimas Notícias

- Publicidade -

Notícias Relacionadas

Deixe um comentário

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui