28.9 C
Brasil
terça-feira, 3 agosto 2021
HomePolítica & PoderCPI: deputado diz que tinham verbas de 2,6 bilhões e que não...

CPI: deputado diz que tinham verbas de 2,6 bilhões e que não foram usadas

Nesta terça-feira (29), está ocorrendo a CPI da Covid-19 e conta com a participação do deputado federal Fausto Vieira. Ela começou pouco antes das 10 horas e deve continuar durante a tarde. O canal Brasil de Fato está transmitindo ao vivo. 

O deputado argumentou, para Renan Calheiros, que havia mais de R$ 1 bilhão em verbas federais e que, juntas às estaduais e outras origens, totalizaram mais de R$ 2,6 bilhões. Entretanto, não foram utilizadas da forma como se era esperado e que realizavam a contratação de serviços precários para os hospitais de campanha. 

CPI

Fausto está sendo interrogado sobre o alastramento da pandemia em Manaus, no Amazonas, e sobre a falta de oxigênio. Existem algumas divergências em relação à quantidade de dias em que houve a falta de oxigênio, Pazuello afirmou que foram menos de três e a mídia argumenta que durou mais de uma semana. 

Atualmente, o Brasil enfrenta a faixa de 515 mil mortes pela Covid-19 e mais de 18,5 milhões de casos em pouco mais de um ano da pandemia. 

- Continua Depois da Publicidade -

“Nós dispúnhamos de um orçamento de 2,6 bilhões de reais (…) eu acredito que havia recursos, mas dependem de como eles foram aplicados. (…) Senador, nunca ficou claro, de acordo com as informações do sistema de saúde. (…) O nosso foco era solucionar as problemáticas (…) vidas não puderam esperar”, disse o deputado federal. 

Fausto informou para a CPI que não está prestando depoimento como deputado, mas também como um cidadão que conhece a realidade do seu estado. 

Renan Calheiros argumenta que o relatório da Covid-19 não mostra quais são as pessoas responsáveis pela contratação e compra do oxigênio. O deputado afirmou que o relatório, que deveria mostrar os responsáveis pela compra, foi realizado antes da crise de janeiro e que por isso não conta com nomes. Com o relatório obtido pela CPI seria possível descobrir quem foi o responsável pela compra e monitoramento. 

 
Daiane Souzahttps://manchetesdodia.com/
Nascida em Santa Catarina, atualmente estuda história pela FURB, atuando com a redação política. Trabalha há mais de três anos como redatora profissional experiente em SEO e Copywriter. Apaixonada por literatura, filosofia e escrita.

Últimas Notícias

- Publicidade -

Notícias Relacionadas

Deixe um comentário

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui