26.3 C
Brasil
quinta-feira, 6 maio 2021
Home Política & Poder Em luto, Israel amplia esforços para identificar vítimas de tragédia durante evento

Em luto, Israel amplia esforços para identificar vítimas de tragédia durante evento

Israel está, nesta sexta-feira (30), investigando quem são aqueles que morreram durante o evento religioso que fez mais de 100 pessoas saírem machucadas. As redes sociais ficaram recheadas de fotografias de pessoas que sumiram após o ocorrido.

Netanyahu decretou um luto nacional em memória a todos que foram feridos no local e vieram a óbito. Os peregrinos contestam a atuação da polícia que bloqueou as saídas. Ele prometeu que haverá uma investigação rigorosa sobre o assunto.

Alguns acreditam que o ato tenha sido desencadeado devido os palestinos que estavam revidando o acontecimento da semana passada: os judeus e israelenses saíram com tochas nas ruas afirmando que iriam queimar a todos os muçulmanos e árabes. Os árabes tiveram que se defender com pedras e embalagens de vidro já que estavam em seus templos.

Outra contestação da Palestina é que Israel não permite que os moradores de Jerusalém votem e estão trancando as eleições parlamentares por mais de 15 anos. Afirmaram, nesta semana, que pretendem lutar para que a democracia volte ao povo.

A internet e muitos usuários do Twitter se manifestaram em solidariedade dos mortos na tragédia.

Entendendo o conflito de Israel

Os conflitos começaram a ficar mais intensos quando os britânicos começaram a comandar a Palestina e, consequentemente, os judeus quiseram voltar para o local que tinha a terra prometida mas que era capital dos muçulmanos.

Os Estados Unidos decretou em 2017 que  Jerusalém seria de Israel e não da Palestina, argumentou que Israel é um Estado. Os conflitos duram há décadas e ambos os grupos querem tomar a cidade como capital por motivos religiosos.

O governo Bolsonaro já se manifestou a favor dos israelenses. Eles são culpados por crime contra a humanidade por tentar impor o recuo de um grupo da região através da violência.

Leia mais: Israel investiga mortes em festival religioso; testemunhas criticam ação policial

 
Daiane Souza
Daiane Souzahttps://manchetesdodia.com/
Nascida em Santa Catarina, atualmente estuda história pela FURB, atuando com a redação política. Trabalha há mais de três anos como redatora profissional experiente em SEO e Copywriter. Apaixonada por literatura, filosofia e escrita.

Baixe Nosso Aplicativo

Últimas Notícias

Notícias Relacionadas

Deixe um comentário

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui