28.1 C
Brasil
quarta-feira, 4 agosto 2021
HomePolítica & PoderEntenda a verdadeira situação do Haiti que levou a morte do presidente

Entenda a verdadeira situação do Haiti que levou a morte do presidente

Na última terça-feira (06), o Haiti iria ter acesso ao acordo com o FMI que permitia ter o fundo de US$ 96 milhões. Entretanto, esse acordo, para que fosse pago, iria aumentar os impostos em até 44% no valor da gasolina e dos combustíveis. A população é uma das mais pobres do mundo e vive com menos de US$ 2 por dia, valor equivalente a cerca de R$ 10. 

Algo parecido ocorreu na Colômbia neste ano, quando o presidente pretendia aumentar as tributações do estado: a população se moveu em revoltas porque não via os retornos de todo o dinheiro que estava pagando. A população haitiana, que vive no ápice da pobreza, sente o mesmo. 

O Haiti tem sua história marcada por ditaduras e golpes: já fazem mais de 6 anos que não possuem eleições e o presidente estava governando através de decretos. A primeira dama foi ferida com um tiro e está internada, enquanto o presidente foi morto por grupos que falavam espanhol. 

A República Dominicana, que faz fronteira, disse que iria fechar as entradas com o país. Ambos estão próximos à Cuba, país que sofreu com bloqueios dos Estados Unidos após passar por revoltas socialistas contra os americanos que usavam o país como “fundos” para cometer atividades ilegais. 

- Continua Depois da Publicidade -

No ranking de IDH, está entre os últimos: 170º entre 189 países. Em relação ao índice de desenvolvimento, possui o valor de 0,51, um dos países que menos se desenvolvem ao analisar as comparações com outros da América do Sul e Central. 

Crise política no Haiti

O presidente do Haiti dizia que ficaria no cargo até o dia 07 de fevereiro, mas não foi isso que aconteceu e a situação estava se prorrogando. O povo queria realizar as eleições para definir um líder e não conseguia devido à ditadura na qual estava sofrendo. Em fevereiro, o mesmo tentou aplicar golpe de estado no país. 

 
Daiane Souzahttps://manchetesdodia.com/
Nascida em Santa Catarina, atualmente estuda história pela FURB, atuando com a redação política. Trabalha há mais de três anos como redatora profissional experiente em SEO e Copywriter. Apaixonada por literatura, filosofia e escrita.

Últimas Notícias

- Publicidade -

Notícias Relacionadas

Deixe um comentário

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui