33 C
Brasil
sexta-feira, 23 julho 2021
HomePolítica & PoderFlávio Bolsonaro causa confusão na CPI e ameaçam cortar microfone

Flávio Bolsonaro causa confusão na CPI e ameaçam cortar microfone

Flávio Bolsonaro na CPI entrou em confusão após interromper a sessão e argumentar que estava defendendo a família porque criticaram o presidente gratuitamente. Depois disso, foi duramente criticado e os outros senadores argumentaram que ele não era melhor que os outros. 

“Nós temos uma ordem de fala, eu chego aqui às 8h30 e espero minha ordem de fala. Eu acho uma falta de respeito com os outros”, disse um dos senadores. Logo depois, uma senadora sugeriu que alguém cortasse o microfone de Flávio Bolsonaro enquanto outro disse que Flávio deveria esperar a ver de falar assim como os outros. 

“O senador é senador, aqui você não é filho do presidente da República. (…) Aqui, o senador é como eu”, disse outro.

Flávio Bolsonaro, CPI e contexto

Os ataques começaram logo após o ex-governador do Rio de Janeiro acusar o presidente e outros deputados de não ajudarem a controlar a pandemia. Depois disso, disse que muitos foram encontrados fazendo aglomeração no estado, principalmente Bolsonaro com carreatas de moto. 

- Continua Depois da Publicidade -

O Brasil enfrenta a faixa de 490 mil mortes pela Covid-19. E, enquanto isso, apenas um quarto da população foi vacinada com uma das doses da vacina. Em relação às duas doses, o valor é de apenas um décimo. 

Wilson disse que a troca constante de ministros fez com que fosse ainda mais difícil criar planos de vacinação. Ao todo, durante o ano de 2020 a 2021 foram 4 ministros: Mandetta, Teich, Pazuello e Queiroga. 

A CPI teve cinco minutos de conflito entre Flávio e os outros senadores. A transmissão está sendo realizada ao vivo pelo portal Brasil de Fato e também pelo jornal do Senado no Youtube. 

- Continua Depois da Publicidade -

“Por conta das perseguições que os governadores estão sofrendo com esse governo… isso precisa ser investigado. (…) Eles encontram documentos entre mim e minha esposa e dizem que foi compatível de provas, mas eu entendo que não foi prova nenhuma. (…) Esse fato precisa ser investigado”, disse o governador sobre as investigações de corrupção. 

Leia também: Flávio Bolsonaro tem mansão com valor de 4 vezes o que foi declarado em 2018

 
Daiane Souzahttps://manchetesdodia.com/
Nascida em Santa Catarina, atualmente estuda história pela FURB, atuando com a redação política. Trabalha há mais de três anos como redatora profissional experiente em SEO e Copywriter. Apaixonada por literatura, filosofia e escrita.

Últimas Notícias

- Publicidade -

Notícias Relacionadas

Deixe um comentário

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui