17.4 C
Brasil
sexta-feira, 30 julho 2021
HomePolítica & PoderLewandowski autoriza presidente do STJ a acessar mais conversas da Lava Jato

Lewandowski autoriza presidente do STJ a acessar mais conversas da Lava Jato

O ministro Ricardo Lewandowski, do Supremo Tribunal Federal, autorizou ontem (12) o presidente do STJ a acessar mais conversas pertencentes à operação Lava Jato. Elas foram levadas à Corte para que fosse realizada a defesa do ex-presidente e petista, Luiz Inácio Lula da Silva. 

Após as liberações de Fachin e a aprovação de que Moro não tenha sido imparcial no julgamento, Lula voltou a se tornar elegível para as eleições de 2022 em que deve competir ao lado de Bolsonaro. 

Em suma, a ministra Rosa Weber havia suspendido o inquérito no último dia 30 de março e devem voltar a investigar. Isso ocorre porque a maioria das conversas foram obtidas através de meios ilícitos e ilegais, não serviram as metodologias indicadas. 

Leia mais:Se alguém fez teatro aí foi o Bolsonaro, eu não’, dispara Kajuru

Envio das mensagens por Lewandowski sobre a lava jato

- Continua Depois da Publicidade -

Lewandowski afirmou ainda que Martins somente poderá usar as mensagens ‘caso assim lhe seja facultado’. Dessa forma, terá que esperar mais antes de acessar porque precisará de outras permissões. Com a liberação das mensagens, será ainda mais fácil descobrir o que ocorreu durante o governo petista durante uma década e se houve, ou não, corrupção passiva. 

Lewandowski também encaminhou as mensagens que foram enviadas ao Corregedor-Geral do Conselho Nacional do Ministério Público, Rinaldo Reis. Agora, cabe a Reis decidir se cabe ou não abrir um procedimento contra os procuradores. 

Lula possui 28% das intenções de votos para as eleições de 2022 e está empatado também com Bolsonaro que contabiliza 27%. Ciro Gomes vem em terceiro lugar com cerca de 9% e há fortes chances que Bolsonaro e Lula sejam aqueles que irão para o Segundo Turno.

Martins estava avaliando a possibilidade de decretar a busca dos procuradores e eles estavam com receio de uma possível prisão preventiva.

- Continua Depois da Publicidade -

Leia mais: Bolsonaro mostra doações realizadas pelo BNDES durante pandemia

 
Daiane Souzahttps://manchetesdodia.com/
Nascida em Santa Catarina, atualmente estuda história pela FURB, atuando com a redação política. Trabalha há mais de três anos como redatora profissional experiente em SEO e Copywriter. Apaixonada por literatura, filosofia e escrita.

Últimas Notícias

- Publicidade -

Notícias Relacionadas

Deixe um comentário

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui