17.1 C
Brasil
terça-feira, 3 agosto 2021
HomePolítica & PoderLula: "povo tá precisando de emprego, de livro e não de arma"

Lula: “povo tá precisando de emprego, de livro e não de arma”

O ex-presidente e petista Luiz Inácio Lula da Silva, publicou em suas redes sociais que as pessoas precisam respeitar as outras religiões e que o brasileiro precisa se preocupar com outras coisas, como o desemprego. O país está no ranking dos 15 com os maiores índices de desempregados e já soma-se mais de 14 milhões deles. 

No seguimento de postagens, o mesmo diz que as pessoas que falam daqueles que pregam os programas sociais, não sabem quem foi Jesus Cristo. 

Depois que Lula foi considerado como Ficha Limpa pelo STF, o mesmo recebeu a permissão e possibilidade de se candidatar para as eleições de 2022 tendo como principal concorrente o atual presidente Bolsonaro. 

- Continua Depois da Publicidade -

De acordo com o DataFolha, o petista conta com 43% das intenções de votos, enquanto Bolsonaro está apenas com 27%, o primeiro perde 7 pontos percentuais em uma briga pelo segundo turno. 

Ciro Gomes se manifestou contra o presidente na manhã desta quinta-feira (24) e lançou outro vídeo em tom de campanha pré-eleitoral em que aborda sobre as possibilidades dos caminhoneiros poderem lidar com os aumentos expressivos dos combustíveis. Apesar das tentativas, FHC argumenta que Ciro não tem possibilidades de vencer Bolsonaro ou Lula. Gomes argumentou que, se não conseguir ir para o segundo turno, o mesmo pode viajar para Paris assim como no ano de 2018. 

Depois da decisão tomada pelo STF em relação ao petista Lula, o mesmo voltou a ter melhores índices de reputação nas redes sociais. 

Protestos contra Bolsonaro 

- Continua Depois da Publicidade -

O Partido dos Trabalhadores havia elaborado uma série de protestos contra o presidente Bolsonaro no dia 19 de junho. As manifestações também pediam a volta do auxílio emergencial para toda a população no valor de R$ 600.

Acredita-se, entretanto, que a prorrogação do programa social com aumentos de valores deve abranger somente as mulheres e mães com filhos abaixo de 17 anos. Pais solteiros não devem ter direito ao mesmo valor porque Bolsonaro vetou a possibilidade. 

 
Susan Nogarthttps://manchetesdodia.com/
Susan Nogart, 30 anos. Formada em Ciências Biológicas e Produção de conteúdo para Web, ama animais, ciências e comportamento e é apaixonada por escrever. Trabalha com criação há mais de 10 anos.

Últimas Notícias

- Publicidade -

Notícias Relacionadas

Deixe um comentário

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui