28.8 C
Brasil
quinta-feira, 5 agosto 2021
HomePolítica & PoderOrçamento pode tornar Bolsonaro inelegível, avaliam técnicos

Orçamento pode tornar Bolsonaro inelegível, avaliam técnicos

Auxiliares do presidente Jair Bolsonaro estão com medo que ele se torne elegível para as próximas eleições caso o  Tribunal de Contas da União (TCU) reprove o orçamento criado para o ano de 2021. O orçamento aprovado pelo Congresso conta com manobras que tentam ultrapassar de forma considerável o teto de gastos previsto para controlar a dívida pública. 

Em suma, a Lei complementar 64, de 1990 afirma que aqueles que tiverem a proposta de orçamento recusada por estarem acima das expectativas de gastos, podem se tornar inelegíveis para outras eleições, como é o atual caso de Jair Bolsonaro. Consequentemente, ele não poderia concorrer lado a lado do ex-presidente Lula em 2022 e também em 2026 já que a lei proíbe por 2 eleições. 

Paulo Guedes, ministro da Economia, argumentou que o presidente Jair Bolsonaro deve tomar as devidas precauções já que isso pode fazer com que novos pedidos de impeachment sejam protocolados contra ele. Em suma, atualmente já são mais de 74 e a oposição juntamente com estudantes de direito estão criando novos por julgar que ele cometeu crime de responsabilidade. 

Enquanto o Brasil enfrenta um possível corte de salários dos professores e policiais, aumento da pobreza em 30% e inflação acima de 5%, o presidente gastou mais de R$ 2,4 milhões do dinheiro público entre o fim de dezembro e começo de janeiro durante suas viagens de férias. 

Bolsonaro e o dinheiro público

- Continua Depois da Publicidade -

O presidente já esteve envolvido em alguns escândalos relacionados ao dinheiro público como o caso do leite condensado que gastaram R$ 15 milhões e mais R$ 30 milhões em pizza e refrigerante. Ao todo, somente com a alimentação das Forças Armadas, foi mais de R$ 1,8 bilhões, aumento acima de 10% em relação aos anos anteriores. 

Leia mais:

 
Daiane Souzahttps://manchetesdodia.com/
Nascida em Santa Catarina, atualmente estuda história pela FURB, atuando com a redação política. Trabalha há mais de três anos como redatora profissional experiente em SEO e Copywriter. Apaixonada por literatura, filosofia e escrita.

Últimas Notícias

- Publicidade -

Notícias Relacionadas

Deixe um comentário

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui