33.4 C
Brasil
terça-feira, 22 junho 2021
HomePolítica & PoderPalestina é vítima do exército brutal de Israel, diz especialista

Palestina é vítima do exército brutal de Israel, diz especialista

Mohamed criticou as atitudes de Israel a Palestina e disse que o estado é um grande local de violência. Os ataques que somaram mais de 140 mortos nos últimos dias estão alcançando escalas mundiais e até mesmo o Papa Francisco se manifestou contra eles.

O especialista argumenta que Israel durante muito tempo determinou uma religião a qual todos deviam seguir e expulsaram de casas e terras todos que não fossem convenientes à uma ideologia.

Os acontecimentos já são antes da segunda guerra e se fortificaram na Guerra Fria com os incentivos da União Soviética e dos Estados Unidos.

Palestina era um país predominantemente muçulmano (árabe). No entanto, os judeus decidiram que queriam um estado próprio e, dessa forma, expulsaram os habitantes que já viviam ali, mesmo sem a predominância do judaísmo.

Pressão na Palestina

- Continua Depois da Publicidade -

Em questão de alguns décadas, o território que era muçulmano foi sendo assentado por judeus e dominado por eles. Os palestinos, como tentativa de se defenderem, criaram o Hamas, um grupo de resistência que surgiu em 1987. A imprensa mundial os classificou como terroristas visto que estão apenas defendendo o povo da violência israelense que já acontecia há anos.

Muitos muçulmanos perderam casas e terras, plantações inteiras foram queimadas. Alguns grupos tiveram que se refugiar e viver em barracos sem ter sequer água potável.

Historiadores criticam os judeus que, durante muito tempo, mataram e perseguiram os muçulmanos como tentativa de se apropriar de terras que não eram deles. O argumento de Israel é a luta contra o terrorismo (Hamas), mas o “terrorismo” surgiu após muitos anos de repressão e como tentativa de se defenderem. Acompanhe o Manchetes do Dia para ficar por dentro das novidades sobre o assunto.

Leia mais:

 
Daiane Souzahttps://manchetesdodia.com/
Nascida em Santa Catarina, atualmente estuda história pela FURB, atuando com a redação política. Trabalha há mais de três anos como redatora profissional experiente em SEO e Copywriter. Apaixonada por literatura, filosofia e escrita.

Últimas Notícias

- Publicidade -

Notícias Relacionadas

Deixe um comentário

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui