28.6 C
Brasil
segunda-feira, 29 novembro 2021
HomePolítica & PoderQuem é Luíza Brunet e por que ela ganhou cargo público em...

Quem é Luíza Brunet e por que ela ganhou cargo público em direito sendo modelo?

De acordo com o Jornal da Cidade Online, o ministro do STF, Fux, ainda mantém um relacionamento “escondido” com a modelo Luíza Brunet. Tanto que a ofereceu um cargo na área de direito, mesmo que ela trabalhe na área de publicidade como uma modelo e não tenha a formação necessária para tal. 

Na manhã desta quarta-feira (20), o assunto já contava com mais de 7 mil citações no portal do Twitter e a maioria questionava sobre a modelo ter conseguido o cargo. O influencer e colunista Léo Dias, que também trabalha para o portal Metrópolis e para o SBT argumentou que o romance entre os dois vem desde a década de 80.

 Usuários do Twitter argumentaram em tom de brincadeira que “cada um usa a arma que tem, a Luíza Brunet usa o amante que trabalha em cargo público!”

- Continua Depois da Publicidade -

Recentemente, a modelo também compartilhou fotografias em Bremen, na Alemanha. Os seguidores também relatam que ela estaria fazendo photoshop e distorcendo todas as fotos para mudar as características do corpo. 

Mais notícias de hoje – 20 de outubro – além de Luíza Brunet 

Nesta quarta-feira (20), o Caixa TEM iniciou os pagamentos da sétima parcela do auxílio emergencial para os grupos que nasceram em janeiro. Esse deve ser o último depósito antes de realizar o cancelamento do programa para que o Ministério da Cidadania inicie a mudança do Bolsa Família, que deve ter reajustes de 50%. Nesta semana, os senadores também estão discutindo a possibilidade de pagar o Vale Gás de R$ 100 para os brasileiros. Cerca de 50% do botijão seria descontado da própria Petrobras, estatal brasileira. O valor gasto poderia chegar a R$ 5 bilhões, mensalmente, o governo federal para R$ 9 bilhões de auxílio. 

- Continua Depois da Publicidade -

O Bolsa Família deveria sair, em novembro, da sua média de R$ 190 para cerca de R$ 300. No entanto, devido à dívida pública e falta de orçamentos, terá que ser prorrogado para 2022, sendo o benefício pago a partir de novembro apenas uma transição. 

Daiane Souzahttp://visaoconfiavel.com/
Formação em jornalismo pela Uniasselvi e em história pela FURB. Amante, desde o ano de 2017, pela produção de conteúdos, notícias e redação em geral. Atualmente, trabalha como redatora da agência jornalística Visão Confiável (http://visaoconfiavel.com/).

Últimas Notícias

- Publicidade -

Notícias Relacionadas

Deixe um comentário

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui