23.4 C
Brasil
quarta-feira, 8 dezembro 2021
HomePolítica & PoderSemipresidencialismo: o que é e por que Temer defende?

Semipresidencialismo: o que é e por que Temer defende?

Em Lisboa, na última quarta-feira (17), Temer voltou a defender o Semipresidencialismo e o tema esteve entre os principais debates. Mas, o que seria isso? 

De acordo com o ex-presidente do Brasil, o país centraliza o poder nas mãos de uma única pessoa, que seria o presidente da República e que isso seria, em partes, algo problemático. Por isso, o recomendado seria contar com mais de um presidente administrando o país. Entre os principais participantes do debate, tiveram como moderador Blanco de Morais, professor catedrático da Faculdade de Direito da Universidade de Lisboa. 

Para acrescentar, o ministro Gilmar Mendes afirmou que o atual modelo brasileiro vem dando sinais de extrema exaustão e que deveria ser repensado nos próximos anos. 

Temer é acusado de ter dado o golpe contra a ex-presidente Dilma durante os anos do mandato petista e de ter incentivado as pedaladas fiscais. Como argumento, o mesmo citou a PEC criada por Samuel e o Congresso, que devem incentivar a diversidade política e a diminuição da polarização existente nos dias atuais. 

- Continua Depois da Publicidade -

Há poucas possibilidades, no entanto, que o semipresidencialismo funcione no país devido à falta de estruturas para o mesmo. E, principalmente porque os grupos acabam se divertindo muito entre polos. O presidente da República, Jair Bolsonaro, possui ideologias muito diferentes de outros possíveis candidatos fortes para o ano de 2022, como Luiz Inácio Lula da Silva e até mesmo Ciro Gomes, que já abordou sobre a possibilidade de participar. 

No ano de 2018, quando Ciro Gomes perdeu no primeiro turno, ele viajou para Paris. O que, novamente, levantou algumas questões sobre o fato de estar realmente preocupado com a política brasileira para viajar à Europa durante as eleições. 

Daiane Souzahttp://visaoconfiavel.com/
Formação em jornalismo pela Uniasselvi e em história pela FURB. Amante, desde o ano de 2017, pela produção de conteúdos, notícias e redação em geral. Atualmente, trabalha como redatora da agência jornalística Visão Confiável (http://visaoconfiavel.com/).

Últimas Notícias

- Publicidade -

Notícias Relacionadas

Deixe um comentário

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui