28.9 C
Brasil
terça-feira, 3 agosto 2021
HomeProgramas SociaisAdvertência no trabalho: O que é para que serve?

Advertência no trabalho: O que é para que serve?

As Leis trabalhistas envolvem uma série de questões e regras que beneficiam o trabalhador, mas também mostra as formas de ser punido dentro da legalidade. A advertência no trabalho, embora não esteja descrita na CLT, ela serve como um aviso de que o trabalhador cometeu algo grave, mas que ainda não implica em uma suspensão ou demissão por justa causa.

Com isso, é válido ressaltar que existem diferenças entre os termos de suspensão e advertência no trabalho, que variam de caso para caso, mas na grande maioria das vezes, servem para punir o trabalhador de alguma maneira. Para saber mais continue lendo.

Qual a diferença entre advertência no trabalho e suspensão?

Em ambos os casos, é o empregador que implica a punição no trabalhador por algum comportamento inadequado. No caso da advertência no trabalho, ela serve como um aviso, para que o funcionário se atente e não repita mais tal comportamento, caso contrário pode ser repreendido de formas mais severas e até perder o emprego.

No caso da suspensão, o ato é disciplinar e tem a intenção de mostrar ao funcionário que seu comportamento precisa mudar para que se adeque a empresa e ao que ela exige. Na grande maioria das vezes a suspensão é dada em casos de falta sem justificativa por exemplo, que em uma segunda vez, já pode ser considerada falta grave. Caso o trabalhador entenda que a suspensão foi demais e não concorde em receber, ele pode reclamar e alegar que o ato é injusto. Nesse caso o juiz analisa e pode de fato cancelar o documento por uma sentença.

Para que serve?

- Continua Depois da Publicidade -

A advertência no trabalho pode ser dada por vários motivos, mas principalmente para mostrar ao funcionário que precisa prestar mais atenção no trabalho e em determinados comportamentos. Geralmente envolve falta de respeito a alguma regra da empresa, chegar na empresa desarrumado ou embriagado, insubordinação, preguiça no horário de expediente, desobediência, etc.

Leia também: Impactos que podem acontecer com a suspensão do cronograma do eSocial

 
Susan Nogarthttps://manchetesdodia.com/
Susan Nogart, 30 anos. Formada em Ciências Biológicas e Produção de conteúdo para Web, ama animais, ciências e comportamento e é apaixonada por escrever. Trabalha com criação há mais de 10 anos.

Últimas Notícias

- Publicidade -

Notícias Relacionadas

Deixe um comentário

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui