26.3 C
Brasil
segunda-feira, 17 janeiro 2022
HomeProgramas SociaisAuxílio Emergencial 2022: Como pedir a cota extra de R$ 3.000? Passo...

Auxílio Emergencial 2022: Como pedir a cota extra de R$ 3.000? Passo a passo

O Ministério da Cidadania conta com um orçamento na faixa de R$ 4,1 bilhões para pagar as parcelas extras do Auxílio Emergencial. Ao menos 1,5 milhões de brasileiros devem receber o valor de R$ 600 em cinco parcelas, que foi pago durante o ano de 2020. Esse teto é destinado aos homens que são pais solteiros e que, em vez de terem recebido o valor de R$ 1200 como as mães solteiras, foram beneficiados apenas com R$ 600. Logo, essa adição serve para equiparar os valores. 

A pasta que é responsável pelo pagamento dos programas sociais argumenta que as parcelas podem chegar ao valor de R$ 3 mil e que serão distribuídas durante o primeiro semestre do ano de 2022. Não haverá um período de inscrições e somente serão beneficiados os grupos que já estão inscritos desde o mês de abril do ano de 2020. 

O governo sabe, até o momento, quais são os pais de família que estão inscritos no Cadastro Único. No entanto, aqueles que foram beneficiados mas não estão inscritos no CAD, ainda não possuem um método de informar que cuidaram de crianças e adolescentes sozinhos. Deste modo, é estimado que abram antes um período pelo Dataprev para que haja a atualização dos membros da família e a inscrição do auxílio emergencial. 

Consulta do auxílio emergencial pela Dataprev 

Vale salientar que, para que a Caixa comece a pagar o benefício, é necessário que o Dataprev já tenha enviado todos os dados atualizados em relação à estrutura familiar dos beneficiários. A consulta de alguns brasileiros que poderão receber o programa social já pode ser feita através do CPF (Cadastro de Pessoa Física) do site oficial da instituição. 

Para acessar os dados e saber se foi aprovado, é necessário adicionar também a data de aniversário e nome da mãe. Caso não tenha um nome, é possível marcar a caixa como “mãe desconhecida”. 

Daiane Souza
Formação em jornalismo pela Uniasselvi e em história pela FURB. Amante, desde o ano de 2017, pela produção de conteúdos, notícias e redação em geral.

Últimas Notícias

- Publicidade -

Notícias Relacionadas

Deixe um comentário

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui