26.6 C
Brasil
sábado, 31 julho 2021
HomeProgramas SociaisAuxílio emergencial: Bolsonaro confirma a volta de quatro parcelas

Auxílio emergencial: Bolsonaro confirma a volta de quatro parcelas

O presidente da República, Jair Bolsonaro, apresentou-se na Live desta quinta-feira (25) alguns projetos e planos do governo. Toda semana posta esses vídeos nas redes sociais para realizar a atualização dos acontecimentos no país. Ontem (25), afirmou que o auxílio emergencial deve voltar em quatro parcelas de R$ 250. De acordo com ele, a nova leva deve estar ocorrendo a partir de março. 

Os beneficiários acreditavam que a volta poderia ocorrer somente após a assinatura e aprovação da PEC Emergencial. Esta, tinha como objetivo realizar cortes de gastos do governo para que recuperasse o dinheiro investido nestes dois bimestres e não houvesse a ultrapassagem do teto de gastos. 

Leia mais: Dívida bruta do setor público sobe para 89,3% do PIB em 2020

Para Bolsonaro, esses quatro meses devem fazer com que a “economia pegue de vez”. Ainda há dúvidas em relação a isso, já que o benefício deve voltar para os cofres públicos em apenas uma década. Um intuito da PEC era cortar o salário dos servidores em até 25%, mas os estudos comprovaram  que isso poderia ser negativo e diminuir o PIB em mais de 1%. 

Auxílio emergencial ajudou a manter o comércio

- Continua Depois da Publicidade -

Enquanto outros achavam negativo que os beneficiários do auxílio comprassem roupas e movimentem o dinheiro, o ato foi positivo para a economia já que estabilizou o PIB em 4%. Além disso, fez com que a verba estivesse dentro dos menores comércios como um MEI ou lojas varejistas, isso possibilitou que conseguissem permanecer abertos durante a crise econômica e a pandemia. 

Leia mais: Presidente do Senado admite adiar votação da PEC Emergencial

Com a demora em escala Federal, muitos estados decidiram se manifestar e fornecer vales de alimentação para que a população realizasse compras. O vale não permite saques e tinha locais específicos para ser gasto, como no caso do Amazonas. 

Leia mais: Novo adicional do auxílio emergencial de R$1.000 poderá ser pago

 
Daiane Souzahttps://manchetesdodia.com/
Nascida em Santa Catarina, atualmente estuda história pela FURB, atuando com a redação política. Trabalha há mais de três anos como redatora profissional experiente em SEO e Copywriter. Apaixonada por literatura, filosofia e escrita.

Últimas Notícias

- Publicidade -

Notícias Relacionadas

Deixe um comentário

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui