22.9 C
Brasil
quarta-feira, 4 agosto 2021
HomeProgramas SociaisAuxílio emergencial negado? Contestação será permitida até dia 24

Auxílio emergencial negado? Contestação será permitida até dia 24

Teve o auxílio emergencial negado? Então, a contestação pode ser feita no site do Dataprev até o dia 24 de julho. Para isso, basta acessar usando o nome oficial da mãe, seu nome e CPF, data de aniversário e assinatura da captcha de “não sou um robô”. 

O programa social conta com várias regras para que seja fornecido para a população, sendo uma delas a questão da renda e o trabalho formal. Quem está com a carteira assinada não pode receber. E, em relação ao valor recebido pelo grupo familiar como autônomo, deve ser inferior a R$ 3300 por todos ou de R$ 550 per capta. 

Outro ponto, que também entra como requisito é que apenas uma pessoa de cada casa pode receber o programa e é necessário que o beneficiário não tenha declarado o imposto de renda no ano de 2019. 

Prorrogação do auxílio emergencial deve abrir para inscrições? 

Uma dúvida é se a prorrogação do auxílio emergencial deve abrir inscrições. Entretanto, vale ressaltar que só poderão receber aqueles que já foram beneficiados no ano de 2020.

- Continua Depois da Publicidade -

O fim do programa social deve ocorrer no mês de outubro deste ano, quando o governo estuda realizar o aumento do Bolsa Família em cerca de 50%. Entretanto, nada está comprovado já que não há verbas para essa alteração de valores e, para que isso aconteça, terão que tirar do abono salarial dos trabalhadores que recebem até R$ 2200 por mês. O Pis e o Pasep é pago para quem trabalhou ao menos um mês no ano base definido. 

O valor da prorrogação deve continuar o mesmo. Ou seja: R$ 150 até R$ 375, que é o teto máximo para mães solteiras e com filhos abaixo dos dezoito anos.  Quem recebia anteriormente o BF, pode migrar para o auxílio emergencial caso o valor do programa criado há um ano seja maior que o anterior. 

 
Daiane Souzahttps://manchetesdodia.com/
Nascida em Santa Catarina, atualmente estuda história pela FURB, atuando com a redação política. Trabalha há mais de três anos como redatora profissional experiente em SEO e Copywriter. Apaixonada por literatura, filosofia e escrita.

Últimas Notícias

- Publicidade -

Notícias Relacionadas

Deixe um comentário

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui