20.4 C
Brasil
quinta-feira, 5 agosto 2021
HomeProgramas SociaisAuxílio emergencial retroativo para 34 mil pessoas: por que foi liberado?

Auxílio emergencial retroativo para 34 mil pessoas: por que foi liberado?

O governo está realizando a liberação do auxílio emergencial para cerca de 34 mil pessoas que entraram com processos judiciais porque tinham direito de receber, mas que, por algum motivo, não foram aprovadas. O objetivo é que sejam pagos mais de R$ 46 milhões nestes pagamentos. 

No dia 22 de junho de 2021, os brasileiros que foram considerados elegíveis no ano de 2020 receberam novas parcelas. 

O valor do auxílio emergencial atual varia de acordo com a estrutura familiar. Aqueles que moram sozinhos podem receber na faixa de R$ 150 e os grupos de duas ou mais pessoas recebem R$ 250. Mulheres com filhos menores de idade recebem na faixa de R$ 375. 

Auxílio emergencial: quais os requisitos?

Existem alguns requisitos para aqueles que desejam receber o auxílio emergencial, são eles: 

  • Não ter trabalho formal; 
  • Receber até R$ 522 para cada pessoa dentro de casa; 
  • Ter o valor bruto de três salários mínimos; 
  • Não ter declarado o imposto de renda em 2019; 
  • Não receber seguro desemprego ou outro programa do governo. 

Aumento e prorrogação

- Continua Depois da Publicidade -

Após a finalização da quarta parcela do programa social, ele deve ter aumento de mais duas que devem continuar com o mesmo valor. Aqueles que mesmo assim não conseguirem emprego, podem fazer o cadastro no novo Bolsa Família que deve apresentar aumentos de até 50%. 

O BF também depende exclusivamente da estrutura de cada grupo familiar, contudo, o valor médio está sendo de R$ 192. Quem recebia o BF mais baixo que o auxílio emergencial, passou a receber o segundo deles. 

O presidente Bolsonaro, que até o ano de 2011 dizia que o BF foi criado pelo PT para conseguir votos, decidiu investir de forma massiva no programa social após perder cerca de 53% de todos os seus eleitores. Para as intenções de votos em 2022, de acordo com o IPEC, Lula conta com 49% enquanto Jair está com 23%, em segundo lugar. 

 

 
Daiane Souzahttps://manchetesdodia.com/
Nascida em Santa Catarina, atualmente estuda história pela FURB, atuando com a redação política. Trabalha há mais de três anos como redatora profissional experiente em SEO e Copywriter. Apaixonada por literatura, filosofia e escrita.

Últimas Notícias

- Publicidade -

Notícias Relacionadas

Deixe um comentário

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui