25.1 C
Brasil
terça-feira, 27 julho 2021
HomeProgramas SociaisBrusquenses devolveram mais de R$ 50 mil em auxílio emergencial indevido

Brusquenses devolveram mais de R$ 50 mil em auxílio emergencial indevido

Entre os meses de março e dezembro de 2020, cerca de 55 brusquenses tiveram que devolver R$ 53.400 à União devido ao auxílio emergencial que está sendo recebido de forma indevida. A notícia inicial foi publicada pela OMunicípio. Esses dados estão inclusos também no Portal Da Transparência, plataforma do governo que informa todos os gastos e investimentos. De acordo com o informado, 19 pessoas devolveram R$ 1200 que é o equivalente a duas parcelas. 

Vale ressaltar que, aqueles que receberam o auxílio emergencial de forma indevida, devem devolver o valor integral e, se isso não ocorrer, poderão responder a processo de estelionato e falsificação de informações em pró de si mesmo. 

Como devolver o auxílio emergencial?

Atualmente existem duas formas de devolver o auxílio emergencial, sendo a primeira delas através do Portal da Cidadania em que basta informar o CPF e quais são as parcelas que recebeu indevidamente. A plataforma irá criar uma GRU em que somará todos os valores indevidos para que sejam pagos sem multas ou juros. 

Outra forma bastante utilizada em 2021 é a declaração do imposto de renda. Após declarar que recebeu o auxílio emergencial e quais foram os outros valores que recebeu, o próprio sistema irá criar uma GRU apropriada com o valor exato que deve ser devolvido. 

- Continua Depois da Publicidade -

Em suma, a União acrescenta que mais de R$ 1 bilhão foi pago de forma indevida e que devem voltar para os cofres públicos. Muitos aposentados, militares e presidiários chegaram a receber as parcelas e também devem devolver porque não tinham direito a mesma.

A nova leva do auxílio emergencial deve ocorrer em abril até julho entre os valores de R$ 175 até R$ 375. 

Leia mais: 

 
Daiane Souzahttps://manchetesdodia.com/
Nascida em Santa Catarina, atualmente estuda história pela FURB, atuando com a redação política. Trabalha há mais de três anos como redatora profissional experiente em SEO e Copywriter. Apaixonada por literatura, filosofia e escrita.

Últimas Notícias

- Publicidade -

Notícias Relacionadas

Deixe um comentário

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui