28.9 C
Brasil
terça-feira, 3 agosto 2021
HomeProgramas SociaisSeguro desemprego: Como posso acionar?

Seguro desemprego: Como posso acionar?

O seguro-desemprego é um direito de todo o trabalhador formal. No caso de demissão sem justa causa esses trabalhadores terão direito a um auxílio em dinheiro por um período proporcional aos meses ou anos trabalhados, em valores a serem calculados com base na média dos 3 últimos salários recebidos: até R$ 1.686,79 multiplicados por 0,80 ( 80% ), de R$ 1.686,80 a 2.811,60 multiplicados por 0,50 ( 50%) e somados a 1.349,43; já quem recebe acima de R$ 2.811,60 terá direito a parcelas de 1.911,84.

Esses pagamentos serão feitos entre 3 e 5 parcelas, a depender da quantidade de meses trabalhados ao longo de um 1 ano. Mas serão necessários pelo menos 6 meses trabalhados para que um indivíduo tenha direito a esse número mínimo de 3 parcelas a título de seguro desemprego.

E qual o passo a passo para acionar o seguro desemprego?

O requerimento do seguro desemprego poderá ser realizado de forma online ou presencial.

De forma online, basta acessar o www.gov.br, ou então baixar o app da Carteira de Trabalho, ou se preferir visite uma das unidades da Secretaria do Trabalho da sua cidade munido dos seguintes documentos: Carteira de Trabalho, requerimento do seguro (obtido no momento da rescisão do contrato), RG e CPF.

- Continua Depois da Publicidade -

O pagamento do seguro desemprego geralmente é realizado nas agências da Caixa Econômica Federal, em uma conta poupança social, ou então em uma conta simplificada.

Ele também poderá ser feito, em alguns casos, nas casas lotéricas, postos de autoatendimento, lojas conveniadas, entre outros correspondentes que também estão autorizados a realizar o pagamento aos portadores do cartão cidadão.

As parcelas do seguro desemprego, como dissemos, irão variar de acordo com a quantidade de meses trabalhados ao longo do ano.

Hoje o trabalhador precisa ter pelo menos 6 meses de trabalho anuais para que tenha direito ao benefício mínimo, que é de 3 parcelas, com valor de R$1.100,00 cada.

- Continua Depois da Publicidade -

Em síntese, quem trabalhou entre 6 e 11 meses ao longo de um ano terá direito a 3 parcelas do seguro desemprego. Quem trabalhou entre 12 e 23 meses, 4 parcelas. E quem trabalhou mais de 24 meses (2 anos) terá direito ao total de 5 parcelas do seguro.

 

Últimas Notícias

- Publicidade -

Notícias Relacionadas

Deixe um comentário

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui