26.9 C
Brasil
sábado, 19 junho 2021
HomeSaúde & Bem Estar10 doenças raras que têm tratamento limitado

10 doenças raras que têm tratamento limitado

No mundo existem diversas doenças raras que quase não se ouvem falar. Uma doença é considerada rara quando afeta no máximo 65 pessoas a cada 100 mil indivíduos. De acordo com a OMS (Organização Mundial de Saúde), 1,3 a cada duas mil pessoas que já detectadas com alguma doença rara, totalizando o total de 8 mil pacientes.

10 tipos de doenças raras

  1. Progéria: também conhecida como síndrome de Hutchinson-Gilford, causa principalmente envelhecimento acelerado que se inicia ainda na infância;
  2. Síndrome de Kleine-Levin: chamada de síndrome da Bela Adormecida, é uma das doenças raras que causa uma desordem neurológica, causando sono em excesso.
  3. Síndrome da Hipoventilação central: causa um distúrbio no sistema nervo, que afeta a respiração com a hiperventilação principalmente a noite, durante o sono.
  4. Síndrome de Prader-Willi: é das doenças raras genéticas que acontecem de forma crônica. O que significa que pode ser provocada, pela falta do cromossomo 15, que faz com que o paciente sinta fome o tempo todo, tenha dificuldades em fazer atividades físicas por problemas no hipotálamo, e consequentemente favorece o ganho de peso.
  5. Epidermodisplasia verruciforme gravíssima: provocada por vírus HPV e pode causar um quadro grave que consiste na formação de diversas verrugas em todo o corpo que fica parecendo um tronco de árvore.
  6. Síndrome de Excitação Genital Persistente: se encontra na lista de doenças raras, por ser muito difícil de acontecer e causa excitação sexual nos pacientes, sem estímulo, causando ereções, inchaço e orgasmos constantes que prejudica a qualidade de vida do paciente.
  7. Urticária aquagênica: é um tipo de alergia que causa urticária e desenvolve muito rápido com o contato com a água.
  8. Gastroenterite eosinofílica: uma das doenças raras do trato digestivo, causa anormalidades nas funções gastrointestinal e tem como característica uma infiltração de eosinofílica no duodeno e estômago que causa muita dor, vômito, azia e diarreia.
  9. Fibrodisplasia ossificante progressiva: é classificada como rara, pois provoca o crescimento anormal de ossos em algumas áreas do corpo, principalmente depois de um trauma, é como se os ligamentos e tendões virassem ossos, impedindo a movimentação.
  10. Síndrome MDP: uma doença genética que provoca Surdez neurossensorial, falta de gordura sobre a pele e dimorfismo fácil, além da hipoplasia mandibular, pode causar retardo no crescimento além de alguns sintomas bem graves.

Leia mais: Depressão relacionada a pandemia afeta crianças e adolescentes

 
Susan Nogarthttps://manchetesdodia.com/
Susan Nogart, 30 anos. Formada em Ciências Biológicas e Produção de conteúdo para Web, ama animais, ciências e comportamento e é apaixonada por escrever. Trabalha com criação há mais de 10 anos.

Baixe Nosso Aplicativo

Últimas Notícias

Notícias Relacionadas

Deixe um comentário

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui