27.9 C
Brasil
sábado, 31 julho 2021
HomeSaúde & Bem EstarAnvisa recebe pedido de uso emergencial de medicamento contra Covid-19

Anvisa recebe pedido de uso emergencial de medicamento contra Covid-19

Na última quinta-feira (1), a Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) recebeu um pedido inusitado pela empresa Roche Químicos e Farmacêuticos S.A. para uso para realizar o uso emergencial de um dos medicamentos usados contra Covid-19.

Segundo as informações que foram relatadas, o laboratório fez o requerimento para pedido do uso do medicamento, com cerca de 3.626 páginas e uma série de dados, sobre a combinação de imdevimabe e casirivimabe que são medicamentos biológicos.

Seguindo protocolos, as primeiras 72 horas de qualquer processo de triagem de documentos com requerimentos, são feitos pela Anvisa, avaliando e verificando se falta alguma informação que seja importante, para solicitar à farmacêutica Roche.

Leia mais: Anvisa esclarece medidas sobre falta de medicamentos para intubação

Sobre uso do medicamento contra covid-19

- Continua Depois da Publicidade -

A intenção de enviar uma documentação para solicitar o uso do medicamento emergencial, é temporário, e deve ser autorizado pela Agência com um prazo máximo de 30 dias. A Anvisa se posicionou, e deve usar um relatório técnico, que atualmente é emitido pela FDA americana, para seguir informações e apresentar a análise dos dados que o pedido pede.

Uma reunião de pré-submissão para análise deve ser feita seguindo o pedido, e a Avaliação segue por uma sendo feita por uma equipa multidisciplinar da Anvisa. A Agência Nacional de Vigilância Sanitária, envolve outros especialistas, sendo um de monitoramento, um de inspeção, um que trabalha com a área de registros, e os demais que trabalham com procedimentos científicos e regulatórios.

A autorização pede os medicamentos contra covid-19 para serem usados na população, e isso ainda precisa ser avaliado mais afundo, com mais testes, pesquisas e muitos protocolos. Mas de acordo com o pedido feito, a situação será avaliada e se houverem dúvidas os representantes da empresa devem ser solicitados para responder o que for necessário, afim de resolver pendências do pedido de medicamentos contra covid-19.

Caso a autorização seja dada, é possível que muitas outras empresas e instituições farmacêuticas e de pesquisas também solicitem esse tipo de autorização.

 
Susan Nogarthttps://manchetesdodia.com/
Susan Nogart, 30 anos. Formada em Ciências Biológicas e Produção de conteúdo para Web, ama animais, ciências e comportamento e é apaixonada por escrever. Trabalha com criação há mais de 10 anos.

Últimas Notícias

- Publicidade -

Notícias Relacionadas

Deixe um comentário

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui