28.1 C
Brasil
sábado, 8 maio 2021
Home Saúde & Bem Estar Calmante natural: melhores opções sem receita médica

Calmante natural: melhores opções sem receita médica

Usar calmante natural pode ser uma ótima forma de controlar nervosismo, estresse, insônia e ansiedade. Além disso, esses alimentos e substâncias possuem propriedades relaxantes, sedativas e calmantes, que favorecem o sono, a calma e a tranquilidade.

calmante natural

Dentro da lista de calmante natural que não exigem receita médica, são elas:

1.      Camomila

O chá de camomila é um calmante natural que está entre os mais conhecidos. De acordo com especialistas, a planta possui flavonoides que tem propriedades anti-inflamatórias, que são antioxidantes e também combatem os radicais livres. As substâncias da flor cumarina tem poder calmante sobre os nervos, que ajuda a relaxar, e a apigenina se liga aos receptores GABA, atua na redução da ansiedade.

2.      Valeriana

A valeriana induz o sono, agindo sobre os neurotransmissores. É válido ressaltar que essa substância pode interferir no metabolismo e com isso pode interagir com outros medicamentos. Sempre consulte seu médico antes.

3.      Lúpulo

Considerado uma planta medicinal e usada para a produção da cerveja, o lúpulo também pode ser usado para tratar alguns problemas de saúde. Ele é um calmante natural, tem propriedades relaxantes, antibacterianas, afrodisíacas, diuréticas e antissépticas. Ajuda com o tratamento de ansiedade, perturbação do sono e agitação.

Leia mais: Ansiedade: o que é e quais os principais sintomas

4.      Maracujá

A fruta é conhecida como calmante natural, seus efeitos são muito conhecidos pode ser um grande aliado em tratamentos contra a ansiedade. Ela possui flavonoides e alcaloides, ambas substâncias depressoras do sistema nervoso. O chá da folha tem propriedades que auxiliam no controle da ansiedade.

5.      Kava Kava

De acordo com estudiosos, a planta é usada há mais de 3 mil anos e é considerada um ansiolítico, o que faz dela um calmante natural. Era usada na Malásia e Polinésia pelo seu efeito sedativo. Existem vários estudos feitos que comprovam seus efeitos, e é preciso tomar cuidado ao usá-la já as substâncias interagem diretamente com medicamentos. Além disso, é um fitoterápico que pode causa insuficiência hepática, portanto não deve ser usado de forma contínua.

 
Susan Nogart
Susan Nogarthttps://manchetesdodia.com/
Susan Nogart, 30 anos. Formada em Ciências Biológicas e Produção de conteúdo para Web, ama animais, ciências e comportamento e é apaixonada por escrever. Trabalha com criação há mais de 10 anos.

Baixe Nosso Aplicativo

Últimas Notícias

Notícias Relacionadas

Deixe um comentário

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui