19.5 C
Brasil
terça-feira, 18 maio 2021
Home Saúde & Bem Estar Dieta anti-inflamatória: quais os principais alimentos?

Dieta anti-inflamatória: quais os principais alimentos?

Uma dieta anti-inflamatória tem como objetivo principal tratar a inflamação resultante de uma dieta extremamente tóxica. Essas inflamações, quando não tratadas, resultam em transtornos como artrite, artrose, diabetes, aumento dos níveis de triglicerídeos, entre outras afecções sinalizadas por meio de marcadores inflamatórios.

Por isso, segue, abaixo, uma lista com alguns dos alimentos capazes de reverter, perfeitamente bem, esse quadro; e ainda contribuir, significativamente, para a saúde geral do organismo.

  • Peixes: sardinha, salmão, atum, arenque, cavalinha;
  • Cebola e alho, devido às suas exuberâncias de rutina e quercitina, dois antioxidantes entre os melhores anti-inflamatórios naturais que existem;

  • Oleaginosas e grãos, como as nozes, castanhas, amêndoas, ervilhas, chia, linhaça e feijão;
  • Azeite de oliva extra virgem;
  • Uma dieta anti-inflamatória à base de gengibre, que possui vitamina C em abundância, além de piridoxina, que atua como excelente bactericida e fortalecedora das defesas do organismo;
  • Limão, mamão, laranja, kiwi, uva, morango e maçã.

 

Outros alimentos de uma dieta anti-inflamatória

  • Rabanete, couve-flor, nabo, cenoura, repolho, brócolis, agrião, espinafre, rúcula, etc;
  • Grãos integrais e sementes, como o gergelim, linhaça, quinua, amaranto, gérmen de trigo, etc;
  • Frutas ricas em vitamina C, como acerola, laranja, kiwi, caju, limão, goiaba, maracujá, melão, morango, tangerina, etc;
  • Chá-verde, chá de erva-doce, chá de alecrim e chá de gengibre;
  • Inhame, batata-doce e batata-inglesa, por fortalecerem o sistema imunológico, atuarem como anti-inflamatórios naturais, além de serem ricos em vitamina C, ferro, magnésio, entre outros compostos que também atuam como excelentes desintoxicantes naturais;
  • Ácidos graxos monoinsaturados (o “Ômega 9”), abundantes nas castanhas, azeitonas, abacates, nozes, peixes, entre outras variedades.

 

Não sendo demais lembrar que toda e qualquer dieta só irá produzir os efeitos desejados quando em concomitância com uma total mudança nos hábitos de vida, que envolve a prática de atividades físicas regulares, o consumo de pelo menos 1 ou 2 litros de água por dia, moderação no consumo de cafés e açúcares, entre outras práticas que, por tabela, irão contribuir para a saúde geral do organismo.

 

Leia mais:

Lichia: confira quais são os benefícios e vitaminas

Alimentos remosos: o que são e lista de comidas a evitar

São Paulo registra 1.193 mortes por Covid-19 em um dia

 

Baixe Nosso Aplicativo

Últimas Notícias

Notícias Relacionadas

Deixe um comentário

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui